3.png

Just for Men

 

Cheguei...tô preparada pra atacar! Homens gays amantes da natureza e dos esportes de aventura. Aqui é o seu lugar! Um espaço para trocar experiências, interação, viagens de Ecoturismo e atividades ao ar livre. Livre também dos preconceitos e aberto para você ser do seu jeito.

Just For Men traz no seu DNA a inclusão. “Vamos reunir caras gays adeptos do Ecoturismo em níveis variados - montanhistas, mergulhadores, maratonistas, ciclistas, entre outros, praticantes ou amadores -, e que costumeiramente não são vistos ou associados ao perfil dos gays. Não há lógica, julgamento ou exclusividade aos apaixonados pelo turismo de aventura”, conta Diego Freitas, idealizador da empresa. 

 

Quem é esse cara?

“Me considero muito bem resolvido com a minha sexualidade desde muito cedo (obrigado terapia =P) e procuro tratar isso sempre de forma muito natural, seja entre amigos ou profissionalmente. Sempre fui bem sedentário, até que no final da faculdade de Medicina comecei a correr pois queria estar mais apresentável para a formatura. Sentia cada vez mais a necessidade de uma válvula de escape. Das corridas de rua para as montanhas, até chegar nas escaladas, tudo se conectou de uma forma fantástica. Conheci vários praticantes de montanhismo e cada vez mais pessoas vinham me procurar para participar também. Há 2 anos trabalho com resgate médico em 2 rodovias na região de Curitiba e sigo nos estudos para uma futura especialização em Medicina de Montanhas e Áreas Remotas”. (Diego Freitas)

 

Gênero e Ecoturismo

O Brasil é considerado pelo Fórum Econômico Mundial como o País com maior potencial turístico em recursos naturais, por possuir a maior biodiversidade de espécies do mundo, distribuídos por seis biomas e três grandes ecossistemas marinhos. Dados sobre o turismo LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) revelam um público estimado em 10% dos viajantes no mundo, sendo 15% do faturamento global do turismo. De acordo com a IGLTA (Associação Internacional de Turismo Gay e Lésbico), o mercado de viagens gays e lésbicas movimenta US$ 54 bilhões ao ano.

“Embora seja associado à virilidade um homem estar na trilha, o contato com a natureza não é exclusividade de nenhum gênero. Apesar disso, muitos caras gays têm dificuldades para se unir com pessoas que possuam interesses afins, principalmente nesse tipo específico de atividade”.  Para o futuro, Diego explica que a Just For Men planeja diversificar os roteiros, oferecendo e divulgando práticas de escalada, rapel, espeleologia, mergulho, bem como outros roteiros nacionais ou internacionais. “Pretendemos ainda avaliar como será o interesse do público em manter viagens exclusivas para gays, lésbicas, trans e/ou mistas”.

 

Parceria

Da força para unir o mercado LGBT e ecoturistas, veio a parceria com a Aventurista, operadora especializada em Trekking e Expedições. Com mais de 500 viajantes e 85 expedições realizadas em 3 anos, Bruno de Maresdon fala do braço logístico e do desenvolvimento de roteiros para homens gays. “Hoje no Brasil não existem empresas de Ecoturismo para o público gay, brasileiros também ávidos em conhecer novos lugares, culturas e esportes. A Just For Mem saiu na frente e seremos parceiros. Com mais roteiros Gays Friendly, esta será a oportunidade ideal de mais gente praticando trekking no País”.

 

Início

Para o start dessa parceria, pense num lugar que mistura grandes campos abertos (Cerrado), piscinas naturais, cachoeiras altíssimas e um clima agradável. Essa é a Chapada dos Veadeiros. “Parece que ali, a natureza fez uma forcinha a mais pra deixar o lugar bonito e acolhedor”, brinca Bruno. A ideia é abranger a maior quantidade de interesses e perceber qual a aceitação e o perfil dos participantes. “Gays vão poder experimentar trilhas, cachoeiras, visitar um bioma único do Brasil e, ao final do dia, voltar para a pousada, descansar, estar entre amigos e se preparar para o próximo dia de aventuras”, fecha Diego.

 

Just For Men promove o roteiro "Chapada dos Veadeiros para Homens Gays" para o feriado de 1º de maio e quer a SUA indicação de amigos, parentes e conhecidos gays. Faremos uma cobertura especial deste primeiro roteiro LGBT em Ecoturismo.Curta, compartilhe, comente e marque amigos aqui. Com as redes sociais, notícias, dicas, entrevistas, fotos e vídeos estarão disponíveis e com total interação pra você.

Venha com a gente!

 

Por Alessandro Manfredini